quinta-feira, março 05, 2009

TENHA ÂNIMO

Pois contigo desbarato exércitos, com o meu Deus, salto muralhas. (2º Sm 22.30)
O Grande herói de guerras e dependente de Deus, Davi, falou estas palavras desejando demonstrar que o poder de Deus presente na vida de seja quem for pode fazer maravilhas.
As maravilhas feitas por Deus na vida de homens e mulheres que crem mais n´Ele do que nas circunstâncias visíveis, não se limitam a personagens bíblicos.

Compartilho abaixo um pouco da história de uma grande e espetacular mulher de nossa era.
Nascida no Alabama, foi dos maiores exemplos de que as deficiências sensoriais não são obstáculos para se obter sucesso. Helen Keller foi uma extraordinária mulher, triplamente deficiente, que ficou cega e surda, desde tenra idade, devido a uma doença diagnosticada na época como febre cerebral (hoje acredita-se que tenha sido escarlatina). Superou todos os obstáculos, tornando-se uma das mais notáveis personalidades do nosso século. Ela sentia as ondulações dos pássaros através dos cascos e galhos das árvores de algum parque onde ela passeava.
Tornou-se uma célebre escritora, filósofa e conferencista, uma personagem famosa pelo extenso trabalho que desenvolveu em favor das pessoas portadoras de deficiência. Em 1904 graduou-se bacharel em filosofia pelo Radcliffe College, instituição que a agraciou com o prêmio "Destaque a Aluno", no aniversário de cinquenta anos de sua formatura. Falava os idiomas francês, latim e alemão. Ao longo da vida foi agraciada com títulos e diplomas honorários de diversas instituições, como a Universidade de Harvard e Universidades da Escócia, Alemanha, Índia e África do Sul. Em 1952 foi nomeada Cavaleiro da Legião de Honra da França. Foi condecorada com a Ordem do Cruzeiro do Sul, no Brasil, com a do Tesouro Sagrado, no Japão, dentre outras. Foi membro honorário de várias sociedades científicas e organizações filantrópicas nos cinco continentes.
Em 1902 estreou na literatura publicando sua autobiografia "A História da Minha Vida". Depois iniciou a carreira no jornalismo, escrevendo artigos no Ladies Home Journal. A partir de então não parou de escrever, além de ser uma grande escritora.
Já idosa foi entrevistada por um repórter a respeito de sua vida. Comunicando-se em braile, ele perguntou:
— Senhorita Keller, existe algo pior do que ser cego?
Ela ficou em silêncio por um momento e de uma maneira peculiar de falar disse:
— Pior do que ser cega é ter vista e não ter visão.
É extraordinário quando vemos pessoas que vão além de seus limites e vencem "apesar de...". Helen Keller não via com os olhos físicos, mas os olhos do seu coração a levaram a picos mais altos do que seus contemporâneos.
Não quero aqui evidenciar a fé religiosa da Srta. Keller mas quero evidenciar que ela tinha ânimo, essa palavra que no original hebraico é: “chazaq” que, entre outras coisas significa: fortalecer, prevalecer, tornar-se forte, ser corajoso, ser ou ficar firme, ser resoluto, ser persistente, ficar seguro, sustentar, encorajar. Significado esse que só tem efeito sendo parametrizado na vida de Deus em nós.

Querido leitor não se esqueça: com Deus desbaratamos exércitos e saltamos muralhas. Tudo o que precisamos é crer que para Deus não há impossíveis, por isso tenha ânimo, fique firme, que a história da Srta. Keller possa servir de inspiração para você. Não sei qual sua situação momentânea, mas sei que se você crer, entregar o barquinho de sua vida nas mãos de Deus, Ele pode conduzí-lo ao impossível e fazê-lo mais que vencedor. Então não se entregue, permaneça mesmo que doa, mas permaneça.
______________________________________________________________________
Este artigo é dedicado especialmente a vocês mulheres extraordinárias que se desdobram em 2, 3, 4, 5, 1000. Cuidam de seus lares, filhos, maridos, muitas vezes após longas jornadas de trabalho. E tanta entrega, que nós homens nunca iremos conseguir fazer igual. Só Deus pode recompensá-las, queremos honrá-las nessa semana 02 a 07/03, que é dedicada a vocês.
______________________________________________________________________

Soli Deo Gloria , Romney Cruz, pr.

4 comentários:

Anônimo disse...

pois é, somente quem pelo menos conviveu com um deficiente visual sabe disso. Experimente essa convivência não se compara a nda ja vivido.

Alessandra disse...

Que lindo a história.
Devemos realmente ter ânimo e saber exergar com os olhos espirituais.
O blog ta lindo!
bjos, lelê

Pr. Romney Cruz disse...

Ola Lelê gloria a Deus esse blog é uma ferramente para Deus salvar vidas. Fico muito feliz em saber que você gostou. Grande abraço

Pra Cláudia Helena de Oliveira disse...

Querido pastor, que a unção do Senhor seja renovada em sua vida!Seu blog é um lindo instrumento do Senhor para ministrar aos corações. Parabéns!Agradeço a homenagem em nome de todas as filhas de Sara.